Cupich: documento da Doutrina da Fé sobre as bênçãos é um passo adiante

  • Home
  • -
  • Notícias
  • -
  • Cupich: documento da Doutrina da Fé sobre as bênçãos é um passo adiante
Cupich: documento da Doutrina da Fé sobre as bênçãos é um passo adiante
Fonte: VATICANO

Cupich: documento da Doutrina da Fé sobre as bênçãos é um passo adiante

O Arcebispo de Chicago acolhe a "Fiducia supplicans", a declaração publicada ontem, 18 de dezembro, pelo Dicastério que abre a possibilidade de bênçãos para casais "irregulares".



Reiterando que a Igreja exige uma abordagem pastoral para as pessoas em situações "irregulares", incluindo relacionamentos entre pessoas do mesmo sexo, o Cardeal Blase Cupich acolhe com satisfação a declaração Fiducia supplicans publicada ontem, 18 de dezembro, pelo Dicastério para a Doutrina da Fé. A declaração "ajudará muito mais pessoas em nossa comunidade a sentir a proximidade e a compaixão de Deus", escreveu o cardeal em uma nota publicada no site da Arquidiocese de Chicago, da qual é arcebispo. O documento doutrinário, aprovado pelo Papa, permite que ministros ordenados abençoem casais formados por pessoas do mesmo sexo, mas fora de qualquer ritualização e semelhança com o casamento. A doutrina sobre o matrimônio não muda, a bênção não significa aprovação da união, sublinha a declaração.

Um apelo aos pastores 

No centro do texto, o primeiro em 23 anos desde a Dominus Jesus, "está um apelo aos pastores para que adotem uma abordagem pastoral para estarem disponíveis às pessoas" que reconhecem a necessidade da ajuda e da presença de Deus em suas vidas, sem reivindicar a legitimidade de seu status particular, diz Cupich. "Nesse sentido, a declaração é um passo à frente", acrescenta, enfatizando como ela está de acordo com o "desejo do Papa Francisco de acompanhar as pessoas pastoralmente" e também com "o desejo de Jesus de estar presente a todas as pessoas que desejam graça e apoio."

Ensino sobre o matrimônio mantido 

O cardeal enfatizou novamente em sua nota que a Declaração da Doutrina da Fé mantém o ensinamento tradicional da Igreja sobre o casamento, o que corresponde às declarações anteriores do Papa Francisco de que não é apropriado que as autoridades da igreja " estabeleçam constante e oficialmente procedimentos ou rituais" para qualquer situação. O Arcebispo de Chicago também aponta que o Dicastério insiste que as bênçãos para pessoas em situações "irregulares" não devem ser dadas durante ou em situações relacionadas a cerimônias que sancionam uma união civil, nem devem ser dadas usando palavras ou gestos apropriados para um casamento. Isso se aplica tanto a casais "irregulares" quanto a casais do mesmo sexo. Tais bênçãos, afirma o cardeal, devem ocorrer em outros contextos com a consciência de que, ao conceder uma bênção nessas circunstâncias, "não há intenção de legitimar nada, mas sim de abrir a vida a Deus, de pedir Sua ajuda para viver melhor e também de invocar o Espírito Santo para que os valores do Evangelho possam ser vividos com maior fidelidade".

O texto completo da nota do Cardeal Cupich pode ser encontrado no site da Arquidiocese de Chicago.

DomSegTerQuaQuiSexSab
26
27
28
29
30
31
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23242526272829
30123456
DomSegTerQuaQuiSexSab
30123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031123
DomSegTerQuaQuiSexSab
28293031123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
DomSegTerQuaQuiSexSab
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293012345
DomSegTerQuaQuiSexSab
293012345
6789101112
13141516171819
20212223242526
272829303112
DomSegTerQuaQuiSexSab
272829303112
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
DomSegTerQuaQuiSexSab
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031
1
2
3
4

Livros Recentes