Francisco: o abraço entre Paulo VI e Atenágoras nos impele a trabalhar pela paz

  • Home
  • -
  • Notícias
  • -
  • Francisco: o abraço entre Paulo VI e Atenágoras nos impele a trabalhar pela paz
Francisco: o abraço entre Paulo VI e Atenágoras nos impele a trabalhar pela paz
Fonte: VATICANO

Francisco: o abraço entre Paulo VI e Atenágoras nos impele a trabalhar pela paz

Na saudação após o Angelus na solenidade da Epifania (06/01), o Papa recordou o "gesto histórico de fraternidade realizado em Jerusalém" e pediu que rezemos pela paz no Oriente Médio, na Palestina, em Israel, na Ucrânia e no mundo inteiro. O Pontífice expressou sua tristeza pelo ataque no Irã e, em seguida, saudou as "crianças missionárias" no dia dedicado a elas.

Francesca Sabatinelli - Cidade do Vaticano

 

Seguindo o exemplo do abraço de 1954 em Jerusalém entre Paulo VI e o Patriarca Ecumênico Atenágoras, rezemos pela paz no mundo. Francisco, em sua saudação após o Angelus, lembrou do encontro que mudou a história das relações entre os cristãos para pedir que continuemos no caminho do ecumenismo e para invocar a fraternidade entre os povos

"Sessenta anos atrás, neste mesmo dia, o Papa São Paulo VI e o Patriarca Ecumênico Atenágoras se encontraram em Jerusalém, quebrando um muro de incomunicabilidade que manteve católicos e ortodoxos separados por séculos. Aprendamos com o abraço desses dois Grandes da Igreja no caminho para a unidade cristã, rezando juntos, caminhando juntos, trabalhando juntos. E pensando nesse gesto histórico de fraternidade realizado em Jerusalém, rezemos pela paz, pela paz no Oriente Médio, na Palestina, em Israel, na Ucrânia, no mundo inteiro. Tantas vítimas de guerras, tantas mortes, tanta destruição... Oremos pela paz."

 

Proximidade com o Irã

O Papa também voltou seu olhar para a terrível violência que atingiu o Irã em 3 de janeiro, as explosões na cidade de Kerman que causaram mais de cem mortes

"Expresso minha proximidade ao povo iraniano, em particular às famílias das muitas vítimas do ataque terrorista em Kerman, aos muitos feridos e a todos aqueles que foram atingidos por essa grande dor."

Dia da Infância Missionária

O Papa concluiu recordando que no dia da Epifania também se celebra o Dia da Infância Missionária, e dirigiu sua saudação às "crianças e aos jovens missionários de todo o mundo", agradecendo-lhes sobretudo por "seu compromisso na oração e no apoio concreto ao anúncio do Evangelho e, em particular, ao trabalho de assistência às crianças nas terras de missão".

DomSegTerQuaQuiSexSab
26
27
28
29
30
31
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19202122
23242526272829
30123456
DomSegTerQuaQuiSexSab
30123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031123
DomSegTerQuaQuiSexSab
28293031123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
DomSegTerQuaQuiSexSab
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293012345
DomSegTerQuaQuiSexSab
293012345
6789101112
13141516171819
20212223242526
272829303112
DomSegTerQuaQuiSexSab
272829303112
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
DomSegTerQuaQuiSexSab
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031
1
2
3
4

Livros Recentes