O Papa: libertar religiosas sequestradas no Haiti. A população sofre, cessar a violência

  • Home
  • -
  • Notícias
  • -
  • O Papa: libertar religiosas sequestradas no Haiti. A população sofre, cessar a violência
O Papa: libertar religiosas sequestradas no Haiti. A população sofre, cessar a violência
Fonte: VATICANO

O Papa: libertar religiosas sequestradas no Haiti. A população sofre, cessar a violência

No Angelus, Francisco lançou um apelo pela libertação das religiosas de Sant'Ana sequestradas em Porto Príncipe no dia 19 de janeiro, quando viajavam de microônibus: "Rezo pela harmonia social no país". O Pontífice fez uma invocação de paz para a Ucrânia, Palestina e Israel, com um pensamento especial para as muitas crianças "feridas e mortas, privadas de afeto, sonhos e futuro. Sentimos a responsabilidade de construir a paz para elas"

Salvatore Cernuzio – Vatican News

O Papa Francisco lançou um premente apelo no final do Angelus deste domingo, 21 de janeiro, para a libertação das seis religiosas da Congregação de Santa Ana que foram sequestradas na última sexta-feira na capital do Haiti, Porto Príncipe. As religiosas foram tomadas como reféns por homens armados que bloquearam um microônibus no qual elas viajavam com outros passageiros. Todos foram sequestrados, inclusive o motorista. O Papa expressou sua "tristeza" com a notícia.

Cessar a violência no Haiti

"Veementemente", Francisco, portanto, pediu a libertação deles e, ao mesmo tempo, eleva orações por toda a ilha, devastada pela violência e sequestros, onde se espera o envio de mais de mil agentes quenianos como parte de uma missão internacional de manutenção da paz liderada por Nairóbi. De fato, chegou-se a um acordo para ajudar a combater o crime.

Oro pela harmonia social no país e peço a todos que parem com a violência que causa tanto sofrimento a esse querido povo.

Paz na Ucrânia, em Israel e na Palestina

Como todos os domingos, o pensamento do Bispo de Roma não deixou de se dirigir aos territórios feridos pela guerra: a Ucrânia, onde continuam os bombardeios e os ataques de drones, especialmente na região de Donetsk, e Israel e Palestina, onde na Faixa de Gaza o número de mortos desde o início do conflito ultrapassou a marca de 25 mil.

Não nos cansemos de clamar ao Senhor pela paz na Ucrânia, em Israel, na Palestina e em muitas outras partes do mundo.

Crianças privadas de afeto, sonhos e futuro

Em particular, o Francisco chamou a atenção do mundo para as crianças, o grupo mais fraco e vulnerável que mais sofre com a falta de paz.

Penso nos pequeninos, nas muitas crianças feridas e mortas, nas que são privadas de afeto, privadas de sonhos e de um futuro. Sentimos a responsabilidade de orar e construir a paz para elas.

Orações pelo Equador

Por fim, o Pontífice, em suas saudações aos vários grupos presentes na Praça de São Pedro, lembrando também a Semana pela Unidade dos Cristãos, assegurou "orações pela paz" para o Equador, país abalado nestes dias pela violência de gangues criminosas.

DomSegTerQuaQuiSexSab
26
27
28
29
30
31
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23242526272829
30123456
DomSegTerQuaQuiSexSab
30123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031123
DomSegTerQuaQuiSexSab
28293031123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
DomSegTerQuaQuiSexSab
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293012345
DomSegTerQuaQuiSexSab
293012345
6789101112
13141516171819
20212223242526
272829303112
DomSegTerQuaQuiSexSab
272829303112
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
DomSegTerQuaQuiSexSab
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031
1
2
3
4

Livros Recentes