"Fiducia supplicans". Dom Bätzing: pedir uma bênção é confiar na bondade de Deus

  • Home
  • -
  • Notícias
  • -
  • "Fiducia supplicans". Dom Bätzing: pedir uma bênção é confiar na bondade de Deus
"Fiducia supplicans". Dom Bätzing: pedir uma bênção é confiar na bondade de Deus
Fonte: VATICANO

"Fiducia supplicans". Dom Bätzing: pedir uma bênção é confiar na bondade de Deus

O presidente dos bispos alemães, dom Georg Bätzing, comentando o documento "Fiducia supplicans sobre o significado pastoral das bênçãos", ressalta que "pedir uma bênção é um gesto de humildade para com Deus, no qual as pessoas expressam sua confiança na bondade de Deus. Na bênção, o amor de Deus é dado como uma força no caminho da vida. A Declaração observa que a concessão de uma simples bênção não deve e não pode exigir as mesmas condições morais que as exigidas para receber os sacramentos"

Ouça e compartilhe

O documento "Fiducia supplicans sobre o significado pastoral das bênçãos", publicado na segunda-feira, 18 de dezembro, pelo Dicastério para a Doutrina da Fé, recebeu uma resposta positiva geral no mundo católico alemão. O presidente da Conferência Episcopal Alemã (DBK), dom Georg Bätzing, publicou uma apresentação do documento no site oficial:

"Dou as boas-vindas a esse documento e sou grato pela perspectiva pastoral que ele traz. Em Fiducia supplicans, explica-se que, em princípio, é possível e permitido que o pastor ordenado atenda aos desejos dos casais que pedem uma bênção para seu relacionamento, mesmo que não vivam de acordo com as normas da Igreja em todos os aspectos. Isso significa que uma bênção pode ser dada a casais que não têm a possibilidade de celebrar um casamento na igreja por causa de um divórcio, por exemplo, e a casais do mesmo sexo".

O Dicastério para a Doutrina da Fé ressalta a clara distinção da bênção sacramental no contexto do matrimônio e enfatiza a necessidade de não ofuscar essa distinção.

Bênção, o amor de Deus como uma força no caminho da vida

O presidente da Conferência Episcopal Alemã lembra que "o matrimônio, uma união permanente e indissolúvel entre um homem e uma mulher aberta à descendência, é, de acordo com o ensinamento católico, um sacramento que os cônjuges se doam reciprocamente e que é selado pela bênção da Igreja".

Em seguida, o prelado ressalta que "pedir uma bênção é um gesto de humildade para com Deus, no qual as pessoas expressam sua confiança na bondade de Deus. Na bênção, o amor de Deus é dado como uma força no caminho da vida. A Declaração observa que a concessão de uma simples bênção não deve e não pode exigir as mesmas condições morais que as exigidas para receber os sacramentos".

(com Sir)

DomSegTerQuaQuiSexSab
30
1
2
3456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031123
DomSegTerQuaQuiSexSab
28293031123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
DomSegTerQuaQuiSexSab
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293012345
DomSegTerQuaQuiSexSab
293012345
6789101112
13141516171819
20212223242526
272829303112
DomSegTerQuaQuiSexSab
272829303112
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
DomSegTerQuaQuiSexSab
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031
1
2
3
4

Livros Recentes