"Fiducia supplicans": Declaração permite bênção pastoral a casais em situação "irregular"

  • Home
  • -
  • Notícias
  • -
  • "Fiducia supplicans": Declaração permite bênção pastoral a casais em situação "irregular"
Fonte: SANTUÁRIO APARECIDA

O Papa Francisco nesta segunda-feira (18) aprovou uma Declaração que permite a bênção pastoral a casais em situação irregular.

A “Fiducia supplicans” foi publicada pelo Dicastério para a Doutrina da Fé e também possibilita a bênção a casais formados por pessoas do mesmo sexo.

Segundo a Declaração, diante do pedido de duas pessoas para serem abençoadas, mesmo que sua condição de casal seja “irregular”, será possível para o ministro ordenado consentir. Vale ressaltar que esse gesto de proximidade pastoral não contenha elementos minimamente semelhantes a um rito matrimonial.

Ela aprofunda o tema das bênçãos, distinguindo entre as bênçãos rituais e litúrgicas e as bênçãos espontâneas, que se assemelham mais a gestos de devoção popular.

As bênçãos espontâneas contemplam, agora, aqueles que não vivem conforme as normas da doutrina moral cristã, mas pedem para serem abençoados.

A Declaração conta com uma introdução do Cardeal Victor Fernandez, que explica o documento, aprofunda o entendimento pastoral das bênçãos e, com isso, permite que “sua compreensão clássica seja ampliada e enriquecida por meio da visão pastoral do Papa Francisco”.

A introdução do cardeal ainda esclarece que a “Fiducia supplicans” não modifica o ensino perene da Igreja sobre o casamento:

(Uma reflexão do Papa) que implica um verdadeiro desenvolvimento em relação ao que foi dito sobre as bênçãos. De abençoar casais em situação irregular e casais do mesmo sexo, sem validar oficialmente seu status ou modificar de qualquer forma o ensino perene da Igreja sobre o casamento”, diz trecho da introdução da Declaração.

O documento que divulga a nova decisão afirma que a Igreja continua a considerar a união entre casais do mesmo sexo um ato “irregular” e que a doutrina não mudou, mas afirmou também que a autorização de bênçãos é um “sinal de que Deus acolhe a todos”.

Em outubro, em um discurso, o Papa Francisco já havia indicado que a Igreja pudesse passar a permitir a bênção a casais homossexuais em um futuro próximo.

Desde agosto, de 23 anos atrás, o antigo Santo Ofício não publicava uma declaração (a última foi em 2000, “Dominus Jesus”), um documento de alto valor doutrinário para a Igreja.

.:: Confira a Declaração “Fiducia supplicans” na íntegra!

Fonte: Vatican News

DomSegTerQuaQuiSexSab
30
1
2
3456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031123
DomSegTerQuaQuiSexSab
28293031123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
DomSegTerQuaQuiSexSab
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293012345
DomSegTerQuaQuiSexSab
293012345
6789101112
13141516171819
20212223242526
272829303112
DomSegTerQuaQuiSexSab
272829303112
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
DomSegTerQuaQuiSexSab
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031
1
2
3
4